pianista

Jovem que nasceu sem as mãos ganha fama como pianista

Na música clássica, o alemão Ludwig van Beethoven é conhecido por ter criado obras fantásticas mesmo tendo convivido com a surdez. Agora, um adolescente russo mostra ao mundo como vencer a deficiência para realizar um sonho. Alexey Romanov, de 16 anos, nasceu sem as mãos, mas sua habilidade impressiona. Ele é considerado um pianista promissor, já se apresenta com a orquestra da República do Tartaristão, e se tornou uma celebridade no país após se apresentar em um programa de TV.

Nascido em Zelenodolsk, uma vila na República do Tartaristão, Romanov iniciou seu contato com a música há dois anos, inspirado pelos trabalhos de Mozart e Vivaldi. No início, teve apoio de um professor de música da escola especializada para crianças com deficiência onde estuda, que começou ensinando melodias de filmes e séries famosas, como “Twilight“ e “Titanic”, muito populares na Rússia. O adolescente também recebe apoio de dois amigos, que o ensinaram o básico da música e a ler notas.

— Eles ainda me ajudam — disse o adolescente, ao “Guardian”. — Eles me mandam partituras para que eu estude. Se eu gostar, deixo entrar dentro de mim

A vida de Romanov não ganhou apenas a música há dois anos, mas também uma família. Ele foi adotado na mesma época e foram seus pais adotivos Vladimir and Luisa Levachkovye, que perceberam sua predisposição para as artes e compraram um teclado. Com tempo e muita prática, Romanov começou a participar e ganhar competições de música.

Em fevereiro, ele se apresentou com a orquestra da república onde vive e, com o destaque, foi convidado a integrar a escola de música na capital, Kazan. O maestro da orquestra convidou Romanov a participar de um programa de TV nacional, onde ele tocou “River Flows in You“, da série “Twilight”, e se tornou uma celebridade em todo o país.

— Durante o conserto na TV eu estava tremendo de tensão. Eu nem lembro o que estava acontecendo — contou Romanov. — Eu andei para o palco, sentei e comecei a tocar. Eu sentia meus calcanhares tremendo. Então eu percebi que estava tocando bem e a melodia começou a fluir por si.

Fonte: O Globo

ACESSE-04

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *